a minha versão do amor

por Luis Galvão

image

Apresentando um elenco incrível e entrosado, o filme canadense alterna entre o riso e a melancolia. O personagem de Giamatti (mais sensacional que nunca em um tipo que ele interpreta com louvor) explora um humor típico de judeu-irônico, com aquelas manias típicas e aquele jeito estranho de ser. O diretor Richard J. Lewis ainda fez uma salada com relações familiares (aqui entra Hoffman como o pai e três grandes atrizes como ex-mulheres), consegue uma ótima viagem à Roma e uma harmonia e leveza que dura muitos momentos.

A Minha Versão do Amor de Richard J. Lewis