bafta

por Luis Galvão

image A onda de prêmios de O Discurso do Rei tem superestimado um pouco o filme que parece imbatível em algumas categorias no Oscar. Fora o longa do Colin, os outros poucos premiados foram A Rede Social, Cisne Negro (apenas a Portman), Alice de Burton e A Origem. A Academia Britânica fez quase um marketing disfarçado para promover seu longa com mais chances de vencer o de Fincher. Fato parecido aconteceu ano passado com a vitória de Hurt Locker.

MELHOR FILMEimage O DISCURSO DO REI, The Weinstein Company
MELHOR DIRETOR
David Fincher por A REDE SOCIAL
MELHOR ATOR
Colin Firth por O DISCURSO DO REI
MELHOR ATRIZimage Natalie Portman por CISNE NEGRO
MELHOR ATOR COADJUVANTE
Geoffrey Rush por O DISCURSO DO REI
MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Helena Bonham Carter por O DISCURSO DO REI
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
O DISCURSO DO REI, de David Seidler
MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
image A REDE SOCIAL, de Aaron Sorkin
MELHOR DIREÇÃO DE ARTE
A ORIGEM, de Guy Dyas
MELHOR FOTOGRAFIA
BRAVURA INDÔMITA, de Roger Deakins
MELHOR FIGURINO
ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS, de Colleen Atwood
MELHOR MONTAGEM
A REDE SOCIAL, de Kirk Baxter & Angus Wall
MELHOR MAQUIAGEMimage ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
MELHOR TRILHA MUSICAL
O DISCURSO DO REI, de Alexandre Desplat
MELHOR SOM
A ORIGEM
MELHOR EFEITOS VISUAIS
A ORIGEM
MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
TOY STORY 3, Pixar Animations
MELHOR FILME ESTRANGEIROimage OS HOMENS QUE NÃO AMAVAM AS MULHERES, Suécia