enrolados

por Luis Galvão

imageEnrolados consegue ser ao mesmo tempo uma boa e engraçada comédia da Disney e também uma das menos arriscadas. Digo que, se não fosse pelas ótimas músicas de Menken e a simpatia da personagem principal, o longa estava fadado a ser esquecido rapidamente, já que não apresenta um arco narrativo típico dos clássicos e somente a leveza dos bons tempos do estúdio, com dois bons coadjuvantes engraçados – e sem falas. A cinquentésima animação da Disney cumpre, assim, seu papel de dar novo frescor a empresa que sofre com uma concorrência indubtavelmente mais inovadora e que se arrisca sem medo, aprofundando dilemas existenciais de forma subliminar sem nunca perder a graça. Diferente deste, que termina raso e sem impacto para se tornar durar mais que um verão. [3/5] MUBI