Contatos de 4º Grau (2009)

por Luis Galvão

[Spoiler? Só para aqueles que não sabem nem a sinopse do filme]

Sou um pouco incrédulo com algumas coisas. Não acredito – por exemplo – que extraterrestres vivem entra nós, fazem experiências e nos estudam como ratos de laboratório. Acredito que deva existir algo entre as infinitas estrelas, mas que ‘eles’ não são nem um pouco com o que imaginamos. Dito isso, acho que ‘Contatos de Quarto Grau’ pode assustar mais aqueles que creem em alienígenas. No entanto o filme se esforça para parecer ‘real’ e a forma utilizada para isso foi maravilhosa.

Assim que o filme começa algo estranho acontece, a bela Milla Jovovich chega à tela e diz que vai interpretar uma psicóloga chamada Abigail Tyler que no ano de 2000 fez uma série de pesquisas na pequena cidade de Nome, no Alaska, em que relatava casos de abdução por ETs. Vários pacientes chegavam até ela e diziam ter sonhado com uma estranha coruja, após experiências próprias e estudo ela concluiu que alienígenas há décadas assombravam os moradores daquela cidade. Ela tenta, então, convencer algumas pessoas (um xerife, um psicólogo e até mesmo toda a população) de suas teorias, mas coisas estranhas acabam acontecendo.

O filme utiliza uma forma interessante de desenvolver as histórias, ele mistura imagens da verdadeira Dr. Abigail com cenas idênticas gravadas pelos atores. As vozes se misturam no tempo certo e a tela é dividida no meio (outras vezes em quatro partes) funcionando direito, realmente um trabalho de montagem ótimo. Fora as imagens, os sons das gravações das consultas dos pacientes são usados de uma forma correta e criativa. Depoimentos e cenas que aconteceram de verdade podem chocar muitos, a trilha sonora dá um tom sombrio e assusta até mais que a própria película, o que já era esperado de um filme de ‘suspense’.

O filme é não é muito longo, empolga em algumas partes e não deixa o clima de realidade cair em nenhum momento. Cabe a você, portanto, decidir se acredita ou não, mas mesmo se você é um ‘descrente’ como eu, vale a pena embarcar na história que – mesmo com um final normal – é interessante e bem montada.

7,0/10
(The Fourth Kind, EUA, 2009) Diretor: Olatunde Osunsanmi;Roteiristas: Olatunde Osunsanmi, Terry Lee Robbins;Elenco: Milla Jovovich, Will Patton, Hakeem Kae-Kazim, Corey Johnson, Enzo Cilenti, Elias Koteas;98 min.
Anúncios